Alergias respiratórias: 7 dicas de prevenção

0

Depende do tipo da doença, mas geralmente não. Existem maneiras de amenizar os sintomas, dependendo do grau da doença que se foi acometido. O recomendado é buscar orientação médica antes de realizar qualquer tratamento. 

A asma possui 4 graus e quanto menor o grau, mais fácil o tratamento. É possível ainda utilizar a bombinha (recipiente pressurizado para aplicação de medicamento broncodilatador, mediante prescrição médica) para melhorar a situação, com o objetivo de devolver um pouco da capacidade pulmonar que foi afetada. 

Mulher doente espirrando
Fonte: Freepik

No caso da asma no grau 1, o afetado pela doença possui sintomas de caráter leve e ocorrem eventualmente, sem muita frequência, como durante o inverno ou em dias de mudanças drásticas de temperatura. 

Na rinite e sinusite, é mais difícil reduzir ou evitar os sintomas, pois são gerados por fatores ambientais pelos quais não se pode ter controle. 

A bronquite crônica também possui 4 graus, e quanto maior é o grau, mais difícil é o tratamento da doença. No grau 1, o fluxo pulmonar é obstruído menos de 50%, também acompanhado de tosse crônica. 

No último grau, a dificuldade para respirar é mais comum e até mesmo a realização de tarefas do dia a dia fica comprometida. 

Como tratar alergias respiratórias? 

Não existe um tratamento específico ou que possua eficácia comprovada contra as doenças respiratórias. Pode-se usar medicamentos, mediante prescrição médica, que amenizam os sintomas.

A realização de atividades físicas, como yoga e natação, podem ajudar, mediante orientação profissional. A internação médica é o último estágio para quem possui sua saúde debilitada pelas doenças. 

7 Dicas para prevenir alergias respiratórias 

Confira algumas dicas para evitar que você passe por situações mais delicadas, prevenindo problemas decorrentes de alergias respiratórias: 

  1. Não respire pela boca, tente sempre respirar pelo nariz; 
  2. Remova seguidamente a poeira de seus móveis; 
  3. Ao limpar sua casa, utilize o aspirador de pó; 
  4. Evite ambientes fechados; 
  5. Evite fumar ou estar com pessoas fumantes; 
  6. Fique longe de plantas que dispersam muito pólen no ambiente; 
  7. Utilize perfume ou outros produtos com cheiro mais suave. 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.