Moedas antigas: quanto valem no Brasil?

0

O dinheiro faz parte do nosso dia a dia, sendo fundamental para a comercialização de produtos e serviços. Ele é usado como moeda e conta com diferentes tipos, dependendo da sua origem e valorização pelo mundo. 

Com o passar do tempo, algumas moedas passaram por alterações, processos de modernização, enquanto outras foram descontinuadas. Mesmo assim, há modelos antigos que ainda existem e são colecionados por milhares de pessoas. 

A seguir, conheça mais sobre as moedas antigas e descubra quanto elas valem aqui no Brasil. 

O que são moedas? 

A moeda é uma maneira de realizar uma transação monetária, em outras palavras, uma forma de realizar pagamentos. Através dela é possível efetuar o pagamento de determinados débitos, sendo aceita de modo geral pelo mundo. 

Tipos de moedas 

Você sabia que existem dois tipos de moeda? A moeda-mercadoria é aquela que possui algum valor mesmo quando não é usada como moeda. Metais preciosos e outras mercadorias valiosas são exemplos, pois eram usados como moeda antigamente. 

coleção de moedas antigas
Fonte: Freepik.com

Na época da Segunda Guerra Mundial (1939-1945), o cigarro era usado como uma moeda para trocar por comida e até mesmo roupas. 

Já as fiduciárias são aquelas consideradas sem valor quando não são usadas como moedas. São exemplos o real, o dólar, o euro e as demais usadas atualmente, baseadas na confiança das pessoas. 

O que torna moedas antigas valiosas? 

Há alguns fatores que podem levar as moedas a serem consideradas raras e valiosas. O primeiro deles é o valor histórico, que consiste em uma troca de governo, período da guerra e muito mais. 

É avaliada também a quantidade emitida daquela moeda: se há menos de 1.000 unidades, ela pode ser considerada rara. Ainda pode ser considerada rara e valiosa por um erro de cunhagem, ou seja, quando durante o seu processo de fabricação aconteceu algum problema e mesmo assim o lote chegou ao mercado. 

Por último, há casos em que as moedas são criadas para serem raras, quando são emitidas para algum propósito específico e também em poucas quantidades. 

Como identificar moedas antigas? 

Para identificar moedas antigas e raras, é necessário conhecê-las antes, nem que seja por foto. Também saber quais moedas foram fabricadas em poucas quantidades, para saber reconhecê-las quando tiver com uma em suas mãos. 

moeda antiga da noruega
Fonte: Freepik.com

A melhor forma de identificar moedas antigas e raras é fazendo uma pesquisa sobre elas para saber como se parecem e, assim, saber identificá-las quando possuir uma. 

Como saber se as moedas antigas são falsas? 

Antes de tudo, para saber se as moedas antigas são falsas, é preciso conhecer os tipos de falsificação que existem, pois isso facilita na identificação da fraude. Você também deve obter o máximo de conhecimento possível sobre as moedas antigas que deseja conhecer e obter. 

Estar ciente das características das moedas antigas também é fundamental, pois elas são únicas e especiais. Por exemplo, avalie o peso, pois cada moeda antiga possuía um específico que variava de acordo com o seu valor. 

Observe também se a moeda possui pátina, que surge através de um processo natural derivado da exposição do metal a condições climáticas. Quanto maior for essa oxidação, pode ser um sinal de autenticidade, mas você também deve ter cuidado, pois ela pode ser falsificada. 

Avalie as bordas das moedas para ver se há rachaduras ou marcas de ferramentas. Você também deve observar o estilo da moeda antiga original e se especializar nessa parte, pois, assim, com um simples olhar já poderá saber se ela é antiga ou não. 

Quais as moedas antigas mais raras? 

Há muitas moedas antigas raras e valiosas pelo mundo inteiro. Algumas chegam a valer em torno de U$10,016,875.00. A seguir, confira as 5 moedas antigas mais raras do mundo e seus respectivos valores: 

  1. 20 dólares Double Eagle 1933: chegou a valer U$7,590,020.00; 
  2. 1 Silver Dollar Flowing Hair 1794: valia em torno de U$4,993,750.00; 
  3. 5 Cents Liberty Nickel 1913: chegou a valer em torno de U$4.560,000.00; 
  4. 1 Million Dollar Maple Leaf Canadense 2007: também é uma moeda antiga que vale mais do que U$4 milhões de dólares; 
  5. 1 Silver Dollar Draped Bust 1804: a Classe I já foi vendida por $4,14 milhões.

Quanto valem as moedas antigas no Brasil? 

No Brasil, existem também muitas moedas antigas que já não estão mais em circulação, mas valem muito. 

Uma nota de R$50, por exemplo, lançada em 1994, atualmente pode chegar a valer mais de R$4 mil pelo fato de não ter a frase “Deus seja louvado”, que era padrão no dinheiro brasileiro desde 1986. As notas que também possuem a frase são muito raras, afinal, circularam por pouco tempo. 

Moeda antiga caligula
Fonte: Freepik.com

Notas de R$50 com a assinatura de Pérsio Arida, o presidente do Banco Central de janeiro a junho de 1995, também valem mais do que R$3 mil. O pouco tempo em que esteve em circulação, já que ficou poucos meses no cargo, assim como as 400 mil unidades fabricadas tornaram este modelo valioso e raro.

Diversas notas brasileiras também se tornaram valiosas por terem sido fabricadas no exterior. Isso aconteceu em 1994 e os lotes vieram da Inglaterra, Alemanha e da França, um total de 4 milhões de cédulas. 

Estas moedas vieram com um “B” no final do seu número de série, com a identificação discreta do fabricante no verso. De modo geral, as moedas e notas brasileiras valem em torno de R$5 mil no país. 

Quem pode colecionar moedas antigas? 

Qualquer pessoa pode se tornar um colecionador de moedas antigas, afinal basta você encontrá-las ou comprá-las e começar a montar uma coleção. 

Onde comprar e vender moedas antigas? 

Diversos colecionadores de moedas antigas possuem lojas online, disponibilizando alguns itens raros para venda. 

Além disso, você também poderá encontrar moedas antigas pela internet, através de outros vendedores ou sites, como:

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.